Descubra a importância da Gestão da Inovação para a sua empresa

Descubra a importância da Gestão da Inovação para a sua empresa

Importância da Gestão da Inovação para a sua empresa

Inovar não é mais uma palavra da moda. É uma necessidade para qualquer empresa, do MEI ao gestor de multinacional. Se falar sobre inovação não é mais novidade, precisamos alinhar os conceitos para avançarmos no que é diferencial: a gestão da inovação.  

Inovar é para todos os portes de empresas. Porém, uma coisa é essencial: foco e planejamento desde o início. Uma inovação pode, inclusive, mudar toda a história da sua vida ou da sua empresa, seja ela pequena ou grande. Empresas como Apple, Nike, NetflixAmazon e Spotify não surgiram por acaso. 

Inovação pode ser colocada como toda nova ideia aplicada em processos e produtos que são desenvolvidos e geram resultados econômicos para os envolvidos. Isso deixa claro que inovação não é invenção, que também é uma ideia, porém sem retorno financeiro.  

Uma inovação não é somente um produto, podendo ser também o desenvolvimento de novos processos, novos métodos, novas formas de organização de trabalho, abertura de novos mercados e a criação de novas fontes de geração de renda e lucro. 

Resumindo para você: inovação é quando a sua ideia atende às necessidades e expectativas do mercado ou do cliente e precisa ser viável economicamente, garantindo retorno financeiro com sustentabilidade. A inovação é o impulso que mantém o capitalismo e o mercado em movimento.  

Para nós, inovar é conseguir transformar uma ideia em lucro. E isso já é um grande desafio. 

A inovação nas empresas é o mecanismo gerador de diferenciação no mercado. Para que sua empresa alcance mais competitividade, ela demanda recriar processos e ajustar diariamente serviços e produtos. Inovar não ocorre do dia para a noite e sua empresa necessitará de método e capacitação. Ok, sabemos que isso não é necessariamente novidade. Mas como ir além desse discurso?  

Uma grande quantidade de gestores diz que compreende o que é inovação, mas a gestão interna da empresa é precária e não permite avançar internamente. Para que o resultado da inovação ocorra é necessário investir na gestão desse processo. Mas o que é?  

O processo de inovar depende de pessoas, estratégias, processos e recursos. Esses itens alinhados permitem desbloquear seu potencial de inovação e colocar projetos em pauta e garantir um cenário real e lucrativo. É essencial para sua empresa o uso de métodos, processos e ferramentas para dar suporte à inovação. Sem isso, é como trilhar por caminhos desconhecidos sem dominar o veículo escolhido ou saber a rota.  

Com algumas das nossas dicas de gestão da inovação, alguns processos como a identificação de oportunidades internas e mercados externos, além de processos e sugestões financeiras ficarão mais claros para sua organização gerar novos projetos. A gestão de inovação permite que a empresa aperfeiçoe seus processos a partir de ideias inovadoras e entregue produtos/serviços de forma otimizada, sem a necessidade de retrabalho.  

Desenvolver um modelo de inovação organizacional é essencial para conquistar maior competitividade no mercado e gerar vantagem competitiva. Porém, vale ressaltar que o processo de inovação é difuso, repleto de dúvidas e oportunidades. Ele exige um trabalho disciplinado e periódico para que consiga gerar os resultados esperados.  

Nós vamos dividir o processo em quatro blocos de gestão que devem ser base do seu processo:  

1. Tenha um modelo de gestão 

Você irá precisar de métodos, processos, modelos e ferramentas que permitam suporte ao seu projeto de inovação. O modelo de gestão contempla a ideia, o planejamento, a gestão do projeto, o plano de marketing e o comercial, além do lançamento inicial e toda o caminho do seu sonho aos itens que envolvam a captação financeira. A 4C atua com diversos modelos e participa desde a concepção do projeto, por exemplo.  

Ao ter uma ferramenta de inovação, você e sua empresa poderão identificar as oportunidades internas e externas de inovação, além de acompanhar as tecnologias mais adequadas, os fluxos de criação e, claro, compreender melhor o mercado. A gestão não é burocracia para inovar, mas a principal forma de acertar e evoluir sem tanta “dor”. Por meio dela, os processos internos são aperfeiçoados e é formado o ambiente para inovar, criando um fluxo de criatividade eficiente. 

Um bom exemplo é a gigante Amazon. Com mais de 1,5 bilhão de itens disponíveis para venda em seu catálogo quase mundial, a empresa prossegue com preços competitivos e uma operação logística exclusiva. A empresa somente consegue esses diferenciais porque sua gestão é um exemplo de persistência e usa a inovação diariamente, principalmente na coleta e tratamento de todas as informações coletadas nos seus múltiplos canais como site, redes sociais e lojas.  

Na Amazon, a captação de dados é convertida em estratégia que busca prever o que e quando oferecer novos produtos ou serviços aos seus consumidores, como nos atuais chamados processos de Growth Hacking. 

2. Criatividade com produtividade 

Ter criatividade não significa ser produtivo. E, muito menos, ser inovador. Mas inovar e criar estão juntos. Por isso, seu fluxo de gestão de inovação deve prever e criar os insights, novos desenhos e projetos. Ousar, empreender, errar e começar do zero novamente devem ser itens essenciais no seu dia a dia. O processo de gestão da inovação deve contemplar essa fluidez entre ter a ideia, criar e inovar.  

3. Pessoas e produtividade 

Ao ter a gestão alinhada ao projeto, os profissionais irão, de forma organizada, elevar a produtividade. Não será automático, certamente, mas a melhor otimização das atividades e o alinhamento estratégico de demandas e orientações irá ajudar. A disciplina e o trabalho que siga cerimônias formais, por mais que não pareça inovador, será um diferencial.  

Os times ao entenderem e conhecerem sua cultura e seus valores, pontos fortes e fracos, ameaças e oportunidades, conseguirão executar a sua estratégia de inovação com ainda mais dedicação.  

4. Competitividade e lucratividade  

Ser competitivo é premissa de qualquer empresa, da local ao grupo multinacional. E, o diferencial é a inovação. Ao ter um fluxo definido de gestão da inovação, sua startup, microempresa, média ou grande empresa pode pesquisar o mercado de forma sistemática, identificar as necessidades e anseios dos clientes, além de efetivamente atender e ouvir desejos não ditos desses mesmos usuários, superando e surpreendendo o mercado.  

O ciclo de vida de um produto está mais curto e, com isso, o investimento em tempo e pesquisa precisa convertido em itens ainda mais lucrativos. Seguindo essa lógica, ao elevar a performance do trabalho dos times e criar produtos e serviços inovadores, sem dúvida, ao ajustar seu time comercial novas vendas, mais lucro e sucesso estarão em crescimento ou mais próximos. Gerir a inovação aproxima a sua empresa do sucesso comercial e do retorno financeiro positivo. 

Gestão da Inovação. Mas como colocar no dia a dia? 

Como levantamos, o fluxo do processo de inovação é constante e ágil. Por falar em ágil, a gestão Agile é o referencial do Spotify. Um processo único que envolve muita comunicação, integração e evolução constante. A empresa hoje possui a sede em Londres, e há grupos de desenvolvimento de produto em Estocolmo, Nova York e São Francisco, distribuídas em mais de 30 equipes. Ou seja, inovar não depende da estrutura física, mas da gestão.  

Uma dica de atividade que promove a inovação na empresa ocorre nos “hack days”, quando os colaboradores apresentam estudos feitos no 10% de tempo livre que a empresa permite para que seja usado em pesquisa e desenvolvimento individual. Com isso, os profissionais devem desenvolver e compartilhar com os amigos e colegas as novas ideias.  

Para atingir sucesso nesse processo de gestão, tente investir em acompanhamento, atualização e ajustes de rota sempre que puder. Monitore com uma coleta estruturada de dados cada passo da sua evolução, aprendendo com erros e acertos. 

Promova a adequação dos times se precisar (pessoas), reforce com comunicação o foco do seu projeto de inovação, aumente sua eficácia e promova de forma correta os recursos e disponibilidade de dinheiro e tempo para que a inovação seja sistematizada e avance não como uma aventura de negócios porque sua ideia parecia boa.  

Assim, para definirmos de forma final a gestão de inovação, é essencial termos claro que ela é a base de mudança do mundo corporativo atual e vai garantir a diferenciação do seu negócio, novos mercados, bem como aumento de produtividade e redução de custos. A gestão da inovação deve contribuir para alavancar os resultados e o crescimento de uma organização gerando valor internamente e externamente. 

Nós, da 4C Innovation, somos uma empresa com foco na implantação do processo de inovação, execução do projeto e o apoio na busca de recursos de fomento. Você quer saber mais sobre o método de desenvolvimento de produtos? Confira o nosso modelo que leva o empreendedor dentro dessa jornada de inovação, o conduzindo dentro de questões importantes como mercado, tecnologia e as finanças de seu projeto. 

Com isso o projeto do produto é iniciado com informações fundamentais para o 

Sucesso, tornando realidade o seu sonho! 

 

Gostou do nosso texto? Continue lendo nossos materiais, assistindo aos vídeos para ter ainda mais conteúdo sobre inovação para sair do papel e conquistar seu mercado.